BLOG

AS ÚLTIMAS NOTÍCIAS SOBRE A ALLMARK

Você sabe que existem diferenças entre constituir um CNPJ e Registrar a Marca?

CATEGORIA - POSTADO POR Allmark





Ser dono do seu próprio negócio é o sonho de muitas pessoas e com a crise econômica que o Brasil está vivendo desde 2014, abrir a própria empresa tornou-se uma opção, ou mesmo, a solução para vários trabalhadores que foram demitidos.

O número de empresas abertas, nos três primeiros meses de 2017, bateu recorde. Estudos da Serasa Experian, que é uma empresa brasileira que produz indicadores econômicos que servem de referência para o comércio, à indústria e para o setor de serviços do ambiente de negócios do Brasil, mostram que mais de 581 mil novos negócios, ou seja, um crescimento de 12,6% em comparação ao mesmo período de 2016 e o maior desde 2010, foram abertos no Brasil. “De acordo com os economistas da Serasa Experian, o recorde apresentado no surgimento de novas empresas no país continua sendo determinado pelo chamado “empreendedorismo de necessidade”. Desta forma, com as taxas de desemprego muito elevadas, indivíduos desempregados acabam abrindo negócios como forma de geração de renda, sobretudo no setor de serviços.” Aponta a matéria no próprio site www.serasaexperian.com.br.

Criatividade, coragem, conhecimento e força de vontade são essenciais para ser Empreendedor, mas o planejamento é fundamental para o sucesso da empresa. E no meio de tantas novas empresas abertas, como assegurar a sua marca?

O que a maioria dos novos e velhos empresários não sabe, é a importância de Registrar a Marca a ser trabalhada. Constituir o CNPJ – Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas – não significa que a empresa já está com a sua identidade formada e que você seja dono de seu nome fantasia, sua marca.

“A identidade da empresa é constituída a partir de uma marca e essa marca precisa ser registrada para garantir o seu uso exclusivo. O registro deve ser feito por um escritório especializado em marcas e patentes e direto no INPI – Instituto Nacional de Propriedade Industrial”. Explica Edmilson Lima, Diretor da Allmark Marcas e Patentes.
Ele acrescenta ainda: “O registro da marca faz parte da identidade da empresa e garante ao empresário o uso exclusivo. O ideal é ser feito tão logo o CNPJ for registrado na Junta Comercial”.

A abertura do CNPJ se dá em escritórios de contabilidade, e é administrado pela Receita Federal que registra as informações cadastrais das pessoas jurídicas. Ele é usado para obter informações para a abertura de contas, financiamentos, elaboração de contratos em que a empresa é contratante ou contratada e outros fins.

Porém, o Registro da Marca é feito por um escritório especializado que dará todo o suporte legal e assessoria para assegurar o direito de ter sua marca, seu nome, como sendo seu e de uso restrito.

Sendo assim, se você quer a segurança de poder investir na sua empresa e na marca que está criando, ou se você já tem o CNPJ e ainda não registrou, é imprescindível o Registro da Marca, e o melhor lugar para fazer isso é junto a escritórios sérios e idôneos, com profissionais respeitados e especialistas nesse serviço que lhe auxiliarão como fazer o registro de uma marca.

FONTE: ALLMARK MARCAS E PATENTES.

PESQUISE GRÁTIS SUA MARCA